MVP: System Center Cloud and Datacenter Management, MCT, MCSE, MCITP, MCPD, MCDBA
MVP Logo

Pageviews The process cannot access the file 'D:\home\site\wwwroot\Visitas2.xml' because it is being used by another process.
Pageviews 2017: 4351543
Pageviews 2016: 3991973
Pageviews 2015: 2675433
Pageviews 2014: 2664208
Pageviews 2013: 2399409
Pageviews 2012: 3209633
Pageviews 2011: 2730038
Pageviews 2010: 1470924
Pageviews 2009: 64608

Últimos posts

Categorias

Arquivo

Tags

MVP ShowCast edição 2014: Grade no Ar e Palestras de Infra Mgmt

É amanhã!!!!!

Dia/Hora Tema Link
29/09/2014 12:00 Entendendo RTO, RPO, DRP, BIA e BCP para Datacenter de Alta Disponibilidade https://msevents.microsoft.com/CUI/EventDetail.aspx?EventID=1032594986&Culture=pt-BR&community=0
29/09/2014 20:00 Forneça serviços de Hosting com o Windows Azure Pack https://msevents.microsoft.com/CUI/EventDetail.aspx?EventID=1032594988&Culture=pt-BR&community=0
30/09/2014 12:00 Windows Server 2003 End-of-Life!  Aproveite e utilize o Azure https://msevents.microsoft.com/CUI/EventDetail.aspx?EventID=1032594991&Culture=pt-BR&community=0
30/09/2014 20:00 Utilizando o RDS e Azure RemoteApp como alternativa de migração de desktops https://msevents.microsoft.com/CUI/EventDetail.aspx?EventID=1032594993&Culture=pt-BR&community=0

A edição 2014 do MVP ShowCast já está confirmada e o site com a agenda disponibilizada em http://mvpshowcast.azurewebsites.net/

Mais uma vez agradecemos ao MVP Rogério Moraes pelo site, que é interativo e muito completo.

Neste ano montamos a trilha de Infra-estrutura com mais foco em processos e oportunidades ao invés de Hands On de produtos. Os eventos de Infra Management contará com 4 palestras, sendo duas no dia 29/09 e 30/09 as 12:00 e 20:00:

image image image

Além desta trilha teremos várias outras na trilha para IT Pro e DEVs. Não deixe de conferir a lista e agenda os que deseja assistir!

Posted: set 27 2014, 09:48 by msincic | Comentários (0) RSS comment feed |
  • Currently 0/5 Stars.
  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5
Filed under: Eventos

Novo curso no Microsoft MVA: System Center Configuration Manager 2012

Criado a algumas semanas por mim e o Josué Vidal (@josuevidall), este novo MVA (Microsoft Virtual Academy) aborda toda a infraestrutura e recursos que o SCCM 2012 possuem.

Vale a pena assistir em http://www.microsoftvirtualacademy.com/tracks/introducao-ao-system-center-configuration-manager-2012

image

Posted: ago 14 2012, 23:17 by msincic | Comentários (0) RSS comment feed |
  • Currently 0/5 Stars.
  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5
Login
Marcelo de Moraes Sincic | All posts tagged 'mvpcon'
MVP: System Center Cloud and Datacenter Management, MCT, MCSE, MCITP, MCPD, MCDBA
MVP Logo

Pageviews The process cannot access the file 'D:\home\site\wwwroot\Visitas2.xml' because it is being used by another process.
Pageviews 2017: 4351543
Pageviews 2016: 3991973
Pageviews 2015: 2675433
Pageviews 2014: 2664208
Pageviews 2013: 2399409
Pageviews 2012: 3209633
Pageviews 2011: 2730038
Pageviews 2010: 1470924
Pageviews 2009: 64608

Últimos posts

Categorias

Arquivo

Tags

MVP V-Conf – Evento Online de MVPs

image

A Microsoft está organizando um evento virtual com MVPs em vários lugares do mundo, e o Brasil foi um dos escolhidos.

A data do evento no Brasil será a mesma dos outros países do mundo, dias 14 e 15 de Maio, detalhes em http://mvp.microsoft.com/en-us/virtualconference.aspx

A inscrição pode ser feita pelo link: http://aka.ms/mvpvirtualconference2015

No link http://mvp.microsoft.com/en-us/virtualconference-sessions.aspx#Brazil é possivel ver a grade completa das palestras em portugues, feitas por MVPs brasileiros.

Junto com o Vidal teremos duas palestras e convidamos todos a participar!

image

Login
Marcelo de Moraes Sincic | All posts tagged 'nas'
MVP: System Center Cloud and Datacenter Management, MCT, MCSE, MCITP, MCPD, MCDBA
MVP Logo

Pageviews 2018: 2610474
Pageviews 2017: 4351543
Pageviews 2016: 3991973
Pageviews 2015: 2675433
Pageviews 2014: 2664208
Pageviews 2013: 2399409
Pageviews 2012: 3209633
Pageviews 2011: 2730038
Pageviews 2010: 1470924
Pageviews 2009: 64608

Últimos posts

Categorias

Arquivo

Tags

Conceitos de Storage para IT Pro 2 – Controladoras e Modelos

No primeiro artigo desta série Conceitos de Storage para IT Pros–Tipos de RAID e IOPS abordamos alguns conceitos importantes e básicos para profissionais de TI sobre os tipos de RAID disponiveis e utilizados hoje em storages e também como calcular IOPS (operaçoes de leitura e escrita) para cada tipo de disco e aplicações.

Neste artigo iremos abordar os tipos mais comuns de controladoras e modelos de storages.

A tabela a seguir retirada do documento da Microsoft “Analyzing Characterizing and IO Size Considerations” disponivel em http://bit.ly/18nlbTg mostra como o tipo de barramento da controladora fisica utilizada para o seu storage influencia diretamente na performance:

image

HBA – Host Bus Adapter

Este é um tipo de barramento muito utilizado antes do iSCSI e muito eficiente, interligando o storage diretamente com o servidor por uma placa dedicada, sendo utilizado pelo Fibre Channel (exemplo Compellent) ou modelo de conexão direta (exemplo MD3000).

Como pode ser visto na tabela acima, por ser um barramento dedicado temos toda a performance sem concorrencia, diferente do iSCSI, pois no HBA cada servidor se conecta a uma saida do storage ou a um switch dedicado e no iSCSI usamos duas saidas de rede para todos os servidores.

Alem disso, em um storage dedicado são pelo menos duas controladoras, sendo elas redundantes e simultaneas para acesso, garantindo segurança e alta performance.

A desvantagem dos modelos HBA se dá por conta da limitação de conexões possiveis, uma vez que em alguns modelos (exemplo MD3000) são 4 portas, limitando a 4 servidores. Para este modelo utilizar HBA e montar um cluster de 4 nós é uma boa alternativa.

Fibre Channel

O FC é um dos modelos de HBA muito utilizado por conta da alta performance e numero ilimitado de hosts que podem ser conectados pelo switch Fibre Channel.

Alem disso, o FC permite boot de servidores sem disco local, o que garante a substituição de um host apenas colocando outro hardware identico e alterando o WWN no storage.

Nos storages FCs utilizamos o WWN (World Wide Name) para indicar qual LUNs será utilizado por cada servidor, sendo muito simples de ser realizado e configurado. Com o Windows 2012 podemos entregar storages diretamente as VMs por criar um WWN virtual no Hyper-V:

image

A desvantagem do FC se dá pelo custo mais alto que as outras soluções envolvendo HBA e, principalmente, iSCSI. Porem, as vantagens técnicas, administrativas e performance fazem do FC o melhor tipo de conexão a storage.

iSCSI

O iSCSI (Internet SCSI) é o modelo mais utilizado hoje por conta do custo acessivel, diversas opções de fabricantes, modelos e tamanhos. Basicamente o iSCSI utiliza comunicação pela rede ethernet comum, porem com algumas vantagens que melhoram a performance se seguidos:

  • Utilizar switches de rede separados apenas para a rede de storage
  • Trabalhar com 2 placas de rede em cada servidor para configurar o recurso de MPIO (Multipath I/O) que permite utilizar as duas placas simultanêas no acesso aos dados, duplicando a velocidade de acesso
  • Configurar o Jumbo Frame para trabalhar com pacotes de dados de 9K ao invés de 1.5K, uma vez que storage sempre trafega dados em pacotes maiores diferentemente da comunicação comum em rede

A desvantagem do iSCSI se dá exatamente pelos pontos acima, já que a estrutura de rede precisa ser dedicada para ter melhor performance e redundância.

O suporte ao iSCSI pode ser pelo storage ou até por softwares que habilitam um servidor comum a se tornar um storage iSCSI, o que é chamado de iSCSI Initiator Server e o cliente de iSCSI Initiator. A Microsoft tem este software disponivel, mas é muito conhecido no mercado o StarWind iSCSI Initiator Server.

NAS com SMB 3.0

A tecnologia de NAS (Network Attached Server) é baseada no Windows Server 2012 que com o SMB 3.0 torna ele compativel com virtualização, permitindo que o Hyper-V utilize um File Server para armazenar as maquinas virtuais, possibilitando que seja montado um Cluster baseado apenas em File Server.

As vantagens deste modelo são o baixo custo, facilidade na administração e entrega para novos servidores.

As desvantagens se dão por conta da rede que tem os mesmos requisitos listados do iSCSI, tendo algumas considerações adicionais:

  • O MPIO precisa ter placas de rede redundantes no servidor baseadas em SMB Direct e RDMA que não são modelos triviais em servidores atualmente
  • O Jumbo Frame impossibilita que maquinas de usuários (clientes) utilizem o servidor para guarda de arquivos, a menos que se habilite neles o modo Jumbo Frame com implicações em todos os switches da rede Core
  • Storages possuem recursos de multicontroladoras e fontes, o que nem sempre é presente em File Servers

Conclusão

Utilizando corretamente os tipos de storages disponiveis e pensando em sua necessidade é possivel ter um ambiente confiável e com boa performance e redundância.

Fonte: http://bit.ly/13uRbOs (Windows Server 2012 White Paper Storage)

image

Para mais informações sobre o Windows Server 2012, acesse: http://clk.atdmt.com/MBL/go/425205719/direct/01/

Posted: jun 16 2013, 21:39 by msincic | Comentários (0) RSS comment feed |
  • Currently 0/5 Stars.
  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5
Login
Marcelo de Moraes Sincic | All posts tagged 'mstechday'
MVP: System Center Cloud and Datacenter Management, MCT, MCSE, MCITP, MCPD, MCDBA
MVP Logo

Pageviews The process cannot access the file 'D:\home\site\wwwroot\Visitas2.xml' because it is being used by another process.
Pageviews 2017: 4351543
Pageviews 2016: 3991973
Pageviews 2015: 2675433
Pageviews 2014: 2664208
Pageviews 2013: 2399409
Pageviews 2012: 3209633
Pageviews 2011: 2730038
Pageviews 2010: 1470924
Pageviews 2009: 64608

Últimos posts

Categorias

Arquivo

Tags

MSTechDay em Barra Bonita

image[2]

Neste sábado (13/08/2011) foi realizado o TechDay na FIP (Faculdade do Interior Paulista) de Barra Bonita.

O evento foi fantátisco e a estrutura foi excelente. A faculdade preparou um auditório aberto aproveitando o calor que estava no dia (36°C) com dois projetos, Telões no meio do auditório para quem estava ao fundo e um aconchegante conjunto de sofás e poltronas ao lado do palco para os outros palestrantes.

Agradeço aos organizadores e aos amigos Vitor Nakano (MVP), Daniel Donda, Diego Nogare (MVP) e Evilázaro (MVP) que souberam fazer o evento dinâmico e com ótimo conteúdo técnico.

Daqui a duas semanas, no sábado dia 27/08 estaremos com o mesmo evento em Adamantina na FAI (Faculdades Adamantinenses Integradas) com o mesmo grupo mais a Fernanda Saraiva (MVP) com a palestra de SharePoint. Não deixem de comparecer se increvendo por este link: http://bit.ly/qgvGG9

Seguem algumas fotos, mostrando o ambiente do auditório e a arrecadação de 200 Kg de alimentos doados para uma instituição de caridade por parte dos que assistiram.

371944410372137903372064177

Posted: ago 14 2011, 23:44 by msincic | Comentários (2) RSS comment feed |
  • Currently 0/5 Stars.
  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5
Filed under: Eventos

MSTechDay Adamantina, São Paulo e Barra Bonita

Este final de semana irá iniciar o ciclo de eventos da equipe MSTechDay:

image

06/08 São Paulo http://www.mstechday.com/saopaulo/inscricao.aspx

13/08 Barra Bonita https://msevents.microsoft.com/CUI/EventDetail.aspx?EventID=1032490826&Culture=pt-BR

27/08 Adamantina https://msevents.microsoft.com/CUI/EventDetail.aspx?EventID=1032487894&Culture=pt-BR

A agenda de cada evento é eclética e visa agradar tanto a desenvolvedores quanto profissionais de TI.

Os eventos em Barra Bonita e Adamantina são gratuito e o de São Paulo tem uma taxa de R$ 30,00 para as despesas do evento.

Nos dois eventos fora de São Paulo serão 5 MVPs palestrando em cada um deles, alem do Daniel Donda que recentemente lançou um livro sobre o Windows Server Core e estará falando sobre este assunto.

Nos eventos de Adamantina e Barra bonita fui convidado para palestrar sobre “Green IT” e será um prazer poder conhecer pela primeira vez estas duas cidades.

Se você está em São Paulo ou mora próximo a uma dessas outras duas cidades, não deixe de comparecer!!!

Posted: jul 31 2011, 20:10 by msincic | Comentários (0) RSS comment feed |
  • Currently 0/5 Stars.
  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5
Filed under: Eventos
Login
Marcelo de Moraes Sincic | All posts tagged 'MVP V-Conf'
MVP: System Center Cloud and Datacenter Management, MCT, MCSE, MCITP, MCPD, MCDBA
MVP Logo

Pageviews 2018: 2610476
Pageviews 2017: 4351543
Pageviews 2016: 3991973
Pageviews 2015: 2675433
Pageviews 2014: 2664208
Pageviews 2013: 2399409
Pageviews 2012: 3209633
Pageviews 2011: 2730038
Pageviews 2010: 1470924
Pageviews 2009: 64608

Últimos posts

Categorias

Arquivo

Tags

MVP V-Conf – Evento Online de MVPs

image

A Microsoft está organizando um evento virtual com MVPs em vários lugares do mundo, e o Brasil foi um dos escolhidos.

A data do evento no Brasil será a mesma dos outros países do mundo, dias 14 e 15 de Maio, detalhes em http://mvp.microsoft.com/en-us/virtualconference.aspx

A inscrição pode ser feita pelo link: http://aka.ms/mvpvirtualconference2015

No link http://mvp.microsoft.com/en-us/virtualconference-sessions.aspx#Brazil é possivel ver a grade completa das palestras em portugues, feitas por MVPs brasileiros.

Junto com o Vidal teremos duas palestras e convidamos todos a participar!

image

Login
Marcelo de Moraes Sincic | Atualizando System Center 2012 RTM/SP1 RC para SP1 RTM-Parte 1 (SCCM e SCOM, Orchestrator)
MVP: System Center Cloud and Datacenter Management, MCT, MCSE, MCITP, MCPD, MCDBA
MVP Logo

Pageviews The process cannot access the file 'D:\home\site\wwwroot\Visitas2.xml' because it is being used by another process.
Pageviews 2017: 4351543
Pageviews 2016: 3991973
Pageviews 2015: 2675433
Pageviews 2014: 2664208
Pageviews 2013: 2399409
Pageviews 2012: 3209633
Pageviews 2011: 2730038
Pageviews 2010: 1470924
Pageviews 2009: 64608

Últimos posts

Categorias

Arquivo

Tags

Atualizando System Center 2012 RTM/SP1 RC para SP1 RTM-Parte 1 (SCCM e SCOM, Orchestrator)

Com o lançamento da versão final do Service Pack 1 do System Center 2012 foi necessário fazer upgrade das versões dos produtos sem o Service Pack ou com o Service Pack 1 na versão Release Candidate (RC). Não irei abordar o Beta pois ele já estava defasado em relação aos testes em geral.

No meu caso, fiz as atualizações a partir das duas versões de todos os produtos e este será um resumo em duas partes, sendo este primeiro com o System Center Configuration Manager 2012, System Center Operations Manager 2012 e Orchestrator.

Segue uma tabela básica com o resultado e depois passo ao detalhamento:

  A partir do RTM A partir do SP1 RC Agentes
Configuration Manager Upgrade após desinstalar o WAIK e instalar o Windows ADK Upgrade sem intervenções Não exige o upgrade, mas relaciona os agentes no relatório das versões
Operations Manager Upgrade sem intervenções Upgrade sem intervenções Não exige o upgrade, apenas apresenta a versão correspondente em “Agent Managed”
Orchestrator Não permite upgrade, mas permite selecionar o mesmo database. Não permite upgrade, mas permite selecionar o mesmo database. Integration Packs com as novas funcionalidades do SP1 precisam ser instalados

 

System Center Configuration Manager (SCCM)

Tanto a migração do RTM como do SP1 RC foram transparentes e simples, porem é importante lembrar que o SCCM 2012 ainda utilizava o Windows AIK. O SCCM 2012 SP1 já foi atualizado para utilizar o Windows ADK que era beta na ocasião do lançamento do SCCM 2012. Porem, o processo é simplesmente desinstalar o WAIK e instalar o Windows ADK.

Em ambientes com hierarquia “Parent-Child” (onde são independentes mas fazem troca de dados) pode-se iniciar a atualização em qualquer um dos sites com o risco de ser recusado o upload de dados no Parent em versões diferentes. Por outro lado, em hierarquias “Primary-Secundary” (apenas o primário tem banco de dados) o upgrade deve ser feito de cima para baixo, ou seja, primeiro atualizamos o primário para o banco de dados ser atualizado e depois os secundários, que não irão funcionar corretamente até serem atualizados. Lembrando que neste caso a atualização pode ser feita pelo próprio console do SCCM.

Importante: Um erro no timestamp do certificado usado no agente do SCCM 2012 SP1 gera um erro “Couldn't verify 'C:\WINDOWS\ccmsetup\MicrosoftPolicyPlatformSetup.msi' authenticode signature. Return code 0x800b0101”. Baixe o hotfix em http://support.microsoft.com/kb/2801987

Ao abrir o setup já é possivel ver a opção de Upgrade disponivel, sem qualquer intervenção, como mostram os dois prints a seguir.

07-01-2013 12-06-15

07-01-2013 12-36-18

Os sites e configurações continuam ativas sem problemas, incluindo os agentes:

07-01-2013 14-45-31

 

System Center Operations Manager (SCOM)

Foi a migração mais simples de todas, não foi necessário qualquer atualização de componentes, nem a partir do RTM.

Em ambientes com instalação em multiplos servidores, a ordem básica se mantem como a do upgrade de versões anteriores. Iniciamos a migração pelo servidor que contem o Operational Database antes dos Management Servers e Gateway Servers.

O wizard de instalação detectou com facilidade os componentes instalados e listou o que estava sendo atualizado:

07-01-2013 15-29-13

Ao realizar a atualização foram alteradas as estruturas do banco de dados, motivo pelo qual o wizard recomenda o backup das bases antes do processo de upgrade.

07-01-2013 16-19-38

Ao final, o console abriu com todos os agentes saudáveis e o SCOM atualizado. Lembrando que o agente mostra a versão anterior mas não exige o upgrade:

07-01-2013 16-37-05

 

System Center Orchestrator (SCO)

Na ordem em que eu inicie as migrações, o Orchestrator foi o primeiro a não permitir o upgrade direto das versões anteriores. Tanto a partir do RTM quanto do SP1 RC a mensagem abaixo foi o resultado:

07-01-2013 22-41-24

Neste caso o processo consiste em desinstalar o Orchestrator e reinstalar o produto, porem utilizando a opção “Retain database” na seleção do banco de dados a ser utilizado.

07-01-2013 22-46-43

Após isso, todos os Runbooks estavam disponiveis e funcionaram corretamente, assim como os Integration Packs que continuaram disponiveis no Runbook Designer.

Porem, é importante que para tirar proveito das novas funcionalidades do SP1 é necessário baixar os Integration Packs novos (http://www.marcelosincic.com.br/blog/post/Novos-Integration-Packs-para-Orchestrator-2012-SP1-e-Toolkit.aspx) e fazer o deploy a partir do Orchestrator Deployment Manager, que passa a mostrar a versão 7 (RTM) e as versões 7.1 (SP1):

07-01-2013 23-13-20

É importante que após a instalação dos novos Integration Packs os Runbooks continuaram funcionando normalmente, como o exemplo abaixo:

image

Posted: jan 15 2013, 11:16 by msincic | Comentários (0) RSS comment feed |
  • Currently 0/5 Stars.
  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5
Os comentários estão fechados
Login