MVP: System Center Cloud and Datacenter Management, MCT, MCSE, MCITP, MCPD, MCDBA
MVP Logo

Pageviews 2017: 3809804
Pageviews 2016: 3991973
Pageviews 2015: 2675433
Pageviews 2014: 2664208
Pageviews 2013: 2399409
Pageviews 2012: 3209633
Pageviews 2011: 2730038
Pageviews 2010: 1470924
Pageviews 2009: 64608

Últimos posts

Categorias

Arquivo

Tags

Configuration Manager Servicing Extension para SCCM 2012 SP1 e R2

O pacote de extensão de serviços do SCCM 2012 SP1 ou R2 é um recurso muito bom para administradores do SCCM se manterem atualizados em relação a este produto. Ele ainda está em beta, mas já é possivel ver suas vantagens.

Para quem quiser baixar, se inscreva no beta pelo Connect: https://connect.microsoft.com/ConfigurationManagervnext/Downloads

A instalação do produto é muito simples, após aceitar o contrato ele já fica disponivel no menu Administration –> Site Servicing do SCCM, onde podemos ver a versão do servidor atual, uma lista dos updates importantes que não estão instalados e o resumo dos blogs e updates disponiveis para servidor e cliente:

 Tela1

Abrindo as opções do menu Site Servicing a primeira opção à visualizar é Site Version onde está visivel o Cumulative Update instalado (CU), que em geral é uma informação importante que nem sempre sabemos encontrá-la, já que é necessário ver os updates instalados para saber o CU:

image

Outra opção no menu Site Updates filtra quais os updates e cumulative updates disppniveis por versão do SCCM 2012, permitindo que o administrador faça o download a partir do link fornecido:

Tela2

O menu seguinte Client Targets permite ver os hostfixes e updates para os agentes/clientes do SCCM por versão, assim como o acima para os servidores SCCM:

Tela4

E por fim, o menu Blogs irá permitir ao administrador ver as mensagens postadas no blog do time de produto e do time de suporte, facilitando a atualização das noticiais e ultimas novidades do produto:

Tela5

Posted: jul 16 2014, 17:23 by msincic | Comentários (0) RSS comment feed |
  • Currently 0/5 Stars.
  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5

Ferramenta da Dell para System Center Configuration Manager 2012 SP1

A ferramenta SCCM Right Click Tool é gratuita e muito útil para quem administra SCCM 2012 e compatível com a versão SP1.

Instalação

Para baixar a ferramenta use o link http://en.community.dell.com/techcenter/os-applications/w/wiki/4309.sccm-right-click-tools.aspx

A instalação é muito simples e deve ser instalada nas estações onde existam o console do SCCM, e não há necessidade de instalar no servidor do SCCM.

Funcionalidades

O RCT cria opções em 3 diferentes grupos de funcionalidades: Client Actions, Client Logs e Client Tools:

image

O Client Logs permite abrir qualquer log do SCCM nos clientes instalados. Isso se torna muito útil, já que abrir remotamente o log não é complicado, mas trabalhoso.

Em Client Actions temos a possibilidade mais importante desta ferramenta, que é executar remotamente as ações do agente. Por exemplo, hoje para forçar o inventário em um agente abrimos o painel de controle e executamos a ação. Com o RCT um administrador de SCCM pode remotamente executar qualquer das ações:

RightClick-1

No menu Client Actions são possiveis várias ações remotas diretamente no sistema operacional do cliente, como por exemplo, reiniciar o computador, abrir os discos, visualizar os processos em execução e executar comandos remotos:

RightClick-2

Um exemplo de ação remota é a visualização dos processos em execução na estação:

RightClick-RunningProcess

Portanto, o uso dessa ferramenta facilita muito o dia-a-dia do administrador e pode ser considerada indispensável!

Posted: ago 02 2013, 16:37 by msincic | Comentários (0) RSS comment feed |
  • Currently 0/5 Stars.
  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5

Novos SCOM Management Pack Para Windows Server 2012 e SCCM 2012 SP1–Atualizado em 20/05/2013

Recentemente foram liberados diversos Management Packs do System Center Operations Manager para Windows Server 2012.

Vários já estavam disponiveis, sendo os mais recentes:

Exchange Server 2013 Management Pack

http://www.microsoft.com/en-us/download/details.aspx?id=39039

Windows Server DNS 2012

http://www.microsoft.com/en-us/download/details.aspx?id=37141
J2EE, JBoss, Tomcat, Weblogic, WebSphere http://www.microsoft.com/en-us/download/details.aspx?id=29270

Windows Server Cluster

http://www.microsoft.com/en-us/download/details.aspx?id=2268

Windows Server Network Load Balancing

http://www.microsoft.com/en-us/download/details.aspx?id=13302

Windows Deployment Services

http://www.microsoft.com/en-us/download/details.aspx?id=36817

Windows Server File & iSCSI Services

http://www.microsoft.com/en-us/download/details.aspx?id=34970

Windows Server Hyper-V 2012

http://www.microsoft.com/en-us/download/details.aspx?id=36438

Windows Server Backup

http://www.microsoft.com/en-us/download/details.aspx?id=36390
Network Devices with Extended Monitoring Capability http://www.microsoft.com/en-us/download/details.aspx?id=26831

Monitoring Pack for System Center 2012 - Configuration Manager

http://www.microsoft.com/en-us/download/details.aspx?id=34709

Monitoring Pack for Message Queuing

http://www.microsoft.com/en-us/download/details.aspx?id=36775

É importante lembrar que todos os Management Packs podem ser encontrados pelo Pinpoint em http://systemcenter.pinpoint.microsoft.com/en-US/applications/search/operations-manager-d11?q=

Destaque para o pacote Network Devices que inclui recursos adicionais para equipamentos que suportem as interfaces MIB (RFC 2863) e MIB-II (RFC 1213), como a lista de VLANs para cada porta.

No Pinpoint podem ser encontrados os MPs tanto da Microsoft quanto de terceiros, sendo que os da Microsoft são gratuitos e os de terceiros na maioria pagos.

Se deseja procurar apenas os MPs gratuitos é possivel com o filtro: http://systemcenter.pinpoint.microsoft.com/en-US/applications/search/operations-manager-d11?fp=0&q=

Alem do filtro para gratuitos, é possivel filtrar pelo menu a esquerda pelo periodo em que foram liberados, sendo que demoram entre 1 a 2 semanas para serem publicados, como é o caso do primeiro da lista acima.

Posted: mai 20 2013, 00:36 by msincic | Comentários (0) RSS comment feed |
  • Currently 0/5 Stars.
  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5

Conectando os Produtos System Center para Melhor Integração

Muitos que usam os produtos System Center 2012 ainda utilizam as ferramentas como nas versões 2007 e 2008, ou seja, de forma autônoma.

Assim, o Service Manager recebe incidentes manualmente quando algum tipo de alerta é gerado no Operations Manager. Os relatórios e dados de inventário (CI) precisam ser consultados no Configuration Manager.

Utilizando os conectores do Service Manager podemos integrar todos os produtos como mostra o diagrama abaixo:

image

Como pode ser visto no diagrama, é o Service Manager que faz o papel de integrador entre os diferentes produtos System Center. O Orchestrator também atua, porem por meio dos Runbooks que podem interagir com o desenho de atividades, mas já comentei em outro post http://www.marcelosincic.com.br/blog/post/Orchestrator-Integration-Packs-para-System-Center-2012.aspx

Criação de Conectores no Operations Manager

Os conectores precisam ser criados dos dois lados, inicialmente pelo Operations Manager em Administration –> Internal Connectors, como pode ser visto abaixo, onde os diversos conectores já estão criados, sendo que apenas um é criado no assistente e os outros criados automaticamente conforme o número de Management Packs:

08-02-2013 11-37-57

O primeiro passo é definir o nome do conector e quais os grupos de computadores do SCOM serão integrados:

08-02-2013 11-35-45

08-02-2013 11-35-53

No passo seguinte definimos quais são os Management Packs que serão integrados com o Service Manager, sendo que no momento de criação do conector pode-se escolher todos e fazer a manutenção após o conector já criado e testado, como será mostrado no próximo tópico:

08-02-2013 11-36-02

O ultimo passo ao criar o conector é definir critérios de filtro. Este item é mais importante que os dois acima (Computer Groups e Management Packs), pois permite definir de forma granular quais alertas irão gerar os incidentes no Service Manager. Por exemplo, apenas os erros são importantes em incidentes, assim como a prioridade e o estado do alerta no SCOM.

Também é importante notar que os incidentes no Service Manager podem ser abertos pelos estados resultantes dos Healthy Monitors do Operations Manager, o que amplia em muito o número de incidentes que serão gerados:

08-02-2013 11-36-10

Edição do Conector no Service Manager

Criado o conector no console do Operations Manager é possivel ver o mesmo conector replicado no Service Manager em Administration –> Conectors.

Se for necessário alterar como os incidentes são abertos, registrados e auto-atualizados é necessário alterar o conector pelo console do Service Manager, como mostrado na tela abaixo:

08-02-2013 11-36-28

Na tela de configuração do template definimos os critérios dos incidentes que serão sincronizados, lembrando que caso não seja configurado corretamente o conector no Service Manager, ao fechar um incidente este não será encerrado no Operations Manager e vice-versa.

No exemplo abaixo, selecionei todos os computadores pelo grupo, mas poderia ser feito um filtro pelo Management Pack, nivel de severidade, prioridade ou mesmo um campo personalizado:

08-02-2013 11-37-15

Criando Conectores de Itens (CI) no Service Manager

Note que a importação dos Management Packs tem a ver com os itens de configuração e não com os alertas definidos anteriormente.

Neste caso, o que será importado são itens, computadores e dados recolhidos dos agentes pelo Operations Manager, para formar a biblioteca de dados de configuração junto com o próprio System Center Configuration Manager.

Sendo assim, criar o conector de itens de configuração não é tão importante quanto criar o conector para os alertas, principalmente em ambientes onde o System Center Configuration Manager também foi implementado e sincronizado.

De qualquer forma, recomendo que se crie o conector de CI para que máquinas monitoradas pelo Operations Manager e que não contenham agente do Configuration Manager estejam contempladas no banco de dados do Service Manager ao abrir um chamado. Alem disso, o conector permitirá ver aplicações como sites do IIS e outros serviços do Windows pelo Service Manager.

Para criar e administrar este conector, basta definir quais os Management Packs que irão enviar dados e o agendamento para esta tarefa:

08-02-2013 11-38-52

Outros Conectores

Mais detalhes de cada um dos conectores pode ser vista no TechNet em http://technet.microsoft.com/en-us/library/hh524326.aspx

 

 

image

Para mais informações sobre o Windows Server 2012, acesse: http://clk.atdmt.com/MBL/go/425205719/direct/01/

Utilizando o MBCA para Analisar Serviços e Servidores

A Microsoft disponibiliza diversas ferramentas de análise da implementação de um produto. Alguns são nativos e outros opcionais:

Produto Disponibilidade Download e Instalação
Microsoft Baseline Configuration Analyser (MBCA) Extensivel, forma a base para análise de diversos produtos como SQL Server 2012, System Center 2012, Dynamics e outros

MBCA - http://www.microsoft.com/en-us/download/details.aspx?id=16475
SQL 2012 - http://www.microsoft.com/en-us/download/details.aspx?id=29302
Dynamics AX 2012 - http://www.microsoft.com/en-us/download/details.aspx?id=28749
SC 2012 - http://www.microsoft.com/en-us/download/details.aspx?id=36796
Prereq RSAT W8 - http://www.microsoft.com/en-us/download/details.aspx?id=28972

Microsoft Baseline Security Analyser Ferramenta que analise a segurança do Windows, até o Windows 2008 R2.
Foi descontinuada após o Windows Server 2012
http://www.microsoft.com/en-us/download/details.aspx?id=7558
Best Practices Analyser São ferramentas nativas do Windows 2008 R2 e Windows 2012 Podem ser instalados pelo Server Manager http://technet.microsoft.com/en-us/library/dd759260.aspx
Failover Cluster Validation Nativo da feature Failover Cluster Executado pelo MMC do Failover Cluster

Vários artigos abordam o uso do BPA e do validador do Cluster são nativos e o MBSA foi descontinuado para o Windows Server 2012, então neste artigo trataremos apenas do MBCA e seu uso exemplo com o System Center 2012.

Instalação do MBCA e Pacotes

A instalação deste produto é muito simples, bastando executar o instalador.

Após instalar o MBCA passamos a instalar as ferramentas, ou pacotes de análise, permitindo que ao abrir o MBCA vejamos uma lista dos pacotes de análise disponiveis:

08-04-2013 10-20-45

Executando o System Center 2012 Configuration Analyzer

Note que ao abrir o menu não terá uma opção para o SCCA, uma vez que ele é um plugin do MBCA, como pode ser visto abaixo:

28-02-2013-09-40-41_thumb3

O passo seguinte é selecionar os computadores que serão validados. Porem, para validar alguns servidores remotos pode ser necessário fazer o registro de segurança com Setspn. Se você não sabe como utilizar, pode usar as instruções do próprio SCCA, como mostrado nos tópicos a frente:

28-02-2013-09-40-51_thumb3

Os resultados são mostrados em duas abas, sendo possivel ver um resumo ou detalhamento dos dados analisados. No exemplo abaixo executei em um SCSM 2012 SP1 e o resultado inicial é que não há pendencias e permitindo exportar o relatório que pode ser revisado posteriormente depois de salvo com a opção “Open Report” no primeiro pront.

28-02-2013-09-42-38_thumb3

28-02-2013-09-43-08_thumb1

Utilizando a opção Collected Data é possivel ver os dados utilizados pelo SCCA para validar o SCSM:

28-02-2013-09-42-49_thumb2

Servidores Remotos

Instalar o MBCA e o SCCA em um único servidor é útil para evitar a instalação em uma farm de servidores ou mesmo para maquinas com acesso limitado. Porem, em alguns casos nao é possivel executar o SCCA remotamente tendo como resultado a mensagem abaixo:

28-02-2013-10-13-44_thumb1

A função Credssp permite que o servidor onde o SCCA está instalado tenha acesso ao servidor que está sendo analisado, sendo simples de ser executado e necessário para análises remotas.

 

image

Para mais informações sobre o Windows Server 2012, acesse: http://clk.atdmt.com/MBL/go/425205719/direct/01/

Login