MVP: System Center Cloud and Datacenter Management, MCT, MCSE, MCITP, MCPD, MCDBA
MVP Logo

Pageviews The process cannot access the file 'D:\home\site\wwwroot\Visitas2.xml' because it is being used by another process.
Pageviews 2016: 3991973
Pageviews 2015: 2675433
Pageviews 2014: 2664208
Pageviews 2013: 2399409
Pageviews 2012: 3209633
Pageviews 2011: 2730038
Pageviews 2010: 1470924
Pageviews 2009: 64608

Últimos posts

Categorias

Arquivo

Tags

Utilizando IP Fixo em Maquinas Virtuais no Windows Azure

Um novo recurso que se tornou disponivel nas novas versões do PowerShell para o Windows Azure são os comandos “StaticVNetIP”. Você pode baixar a nova versão em http://www.windowsazure.com/pt-br/downloads/#cmd-line-tools

Estes comandos permitem que se fixe o IP dentro do range da rede virtual que você já tenha definido, permitindo assim que consiga garantir o IP de cada VM sem a necessidade de fazer o “Start” na ordem fixa todas as vezes.

Passo 1: Saiba os Riscos e Gerencie Seus IPs

Antes de iniciarmos, é importante ressaltar que não há suporte se houver problemas (http://msdn.microsoft.com/en-us/library/windowsazure/jj156090.aspx#BKMK_IPAddressDNS):

“Use DHCP-leased addresses (this is mandatory — static addresses are NOT supported)

Portanto, antes de começar a designar IPs fixos as suas VMs, lembre de manter uma lista dos IPs definidos!

Além disso, não utilize IPs que não estejam no range da sua rede virtual. Por exemplo, a minha rede tem o range 10.0.1.4 a 254 e se eu fixar o IP 10.0.2.4 a uma VM, ele ficará incomunicável e precisará ser excluida.

image

 

Passo 2: Registrar a Assinatura no PowerSell

Este passo é permanente, e basta executar o comando Add-AzureAccount que irá abrir uma janela de autenticação e importará os dados da sua assinatura:

Capture

Para verificar se importou com sucesso use o comando Get-AzureSubscription que retornará os dados da assinatura registrada:

image

Caso precise remover uma assinatura que tenha utilizado no passado para teste, o comando Remove-AzureSubscription é indicado. Se necessário, precisará redefinir sua assinatura padrão, o comando abaixo redefinirá o default:

image

 

Passo 3: Registre o IP de cada VM

Para registrar os IPs lembre-se do que foi comentado no início, é necessário que eles estejam no range da rede virtual que você tenha definido, senão a VM não poderá mais ser acessada e ficará incomunicável.

O comando que utilizaremos para fixar o IP não trabalha com strings, o primeiro passo é usar o comando Get-AzureVM para retornar em uma variável o PermanentID da VM desejada:

image

O comando acima procura a VM “W2012-Exch-3” no catálogo e retorna o ID, e o comando Set-AzureStaticVNetIP abaixo fixa o IP:

image

Obs: Pode-se usar o “pipe |” para executar os comandos na mesma linha se desejado

Porem, note que o comando acima não foi confirmado, apenas como que simulado. O correto é utilizar o Update-AzureVM na sequência para confirmar a alteração, como um commit.

Sendo assim, a sequencia de comandos para alterar as VMs seria como o exemplo abaixo:

image

Note que neste exemplo 3 diferentes VMs tiveram seus IPs fixados e é possivel com o comando Get-AzureStaticVNetIP consultar se a VM fixou o IP desejado:

image

Por fim, ao verificar o escopo de rede no Azure, pode-se ver que as maquinas reiniciadas receberam o IP que fixamos:

ListaIPs

Posted: mar 11 2014, 00:25 by msincic | Comentários (0) RSS comment feed |
  • Currently 0/5 Stars.
  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5
Login
Marcelo de Moraes Sincic | All posts tagged 'case einstein'
MVP: System Center Cloud and Datacenter Management, MCT, MCSE, MCITP, MCPD, MCDBA
MVP Logo

Pageviews 2017: 1944679
Pageviews 2016: 3991973
Pageviews 2015: 2675433
Pageviews 2014: 2664208
Pageviews 2013: 2399409
Pageviews 2012: 3209633
Pageviews 2011: 2730038
Pageviews 2010: 1470924
Pageviews 2009: 64608

Últimos posts

Categorias

Arquivo

Tags

Case do Hospital Albert Einstein de SCCM 2012–Evento de Lançamento do System Center 2012

Na ultima sexta feira (18/05/2012) foi realizado o lançamento do System Center 2012 no Brasil, cerca de um mês após o lançamento nos EUA durante o MMS 2012 em Las Vegas (http://www.marcelosincic.com.br/blog/post/MMS-2012e28093Novidades-Importantes-e-Assista-o-Evento-Online.aspx).

O link para a gravação do evento, dividido em duas partes está disponivel em http://systemcenter2012.cloudapp.net/Home.aspx

Nesta sexta feira foram liberados os videos do evento, onde na parte 1 tivemos as apresentações do pessoal da Microsoft com “demo shows”, destacando as funcionalidades dos produtos System Center 2012, que agora são uma unica suite de produtos.

Na segunda parte tivemos as apresentações de parceiros, sendo a Dell a primeira destas, onde o apresentador durante cerca de 20 minutos falou sobre como as tecnologias e servidores Dell se integram ao System Center.

Na sequencia apresentamos o case do Hospital Albert Einstein, conhecido internacionalmente como um dos melhores hospitais do mundo e um dos maiores da américa latina junto com o Gerente de TI Leandro Cruz.

Alguns números do HIAE:

  • 10 mil funcionários
  • 400 servidores
  • 300 Terabytes de Dados
  • 4700 desktops
  • 200 workstations
  • 200 notebooks

O principal desafio do HIAE era conseguir migrar maquinas XP para Windows 7, projeto que só poderá começar em novembro quando o principal software de gestão hospitalar será compatiblizado para Windows 7. Com o SCCM 2012 automatizando o processo será possivel cumprir com o cronograma apertado, tendo em vista o final do suporte do XP.

O portal de aplicações do SCCM 2012 permitirá ao hospital disponibilizar aplicações aos seus usuários sem a intervenção manual ou abertura de chamados como ocorre hoje, o que envolve um time de fields e helpdesk consideravel levando em conta as mais de 11 localizações em que o HIAE possui hospitais e clinicas.

Com as funcionalidades de gerenciamento de energia do SCCM 2012 o HIAE passa a poder configurar de forma centralizada os perfis de energia, alem de contar com poderosos relatórios de consumo de CO2, consumo diário e mensal, bem como relatórios de “insônia” onde o SCCM 2012 mostra maquinas com problemas de hibernação por conta de hardwares incompativeis.

Por fim, destacamos a funcionalidade de Asset Intelligence do SCCM 2012 onde o HIAE poderá contar com dados atualizados de uso e instalações de softwares, e com isso gerenciar licenciamento de forma eficiente e economica, priorizando o que é mais usado e as aplicações que possuam alternativas mais economicas.

 

Posted: mai 25 2012, 15:56 by msincic | Comentários (2) RSS comment feed |
  • Currently 0/5 Stars.
  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5
Login